As placas cimentícias também podem ser utilizadas no fechamento interno, principalmente nas áreas molhadas, como banheiros, cozinhas e áreas de serviço. Nesse caso deve-se prever um sistema de impermeabilização nas juntas da parede com o piso, para evitar a infiltração da água para dentro do painel e impermeabilização do piso formando uma borda no rodapé e, nas áreas do BOX do banheiro subir até uma altura de 1,0 m.

Entretanto, no fechamento interno das áreas secas o gesso acartonado é a solução mais usual do sistema construtivo SF, ainda mais quando os painéis internos não são estruturais, desta forma pode-se utilizar do sistema Drywall.

Existem três tipos de placas de gesso acartonado:

Standard: indicada para utilização em áreas secas;
Gesso RU (Resistente à umidade): indicada para paredes em ambientes sujeitos à ação da umidade, esta placa possui a cor verde para diferenciar das demais;
Gesso RF (Resistente ao fogo): indicada para áreas secas que necessitem de um maior desempenho com relação ao fogo e são comercializadas na cor rosa.
Na instalação das placas de gesso acartonado recomenda-se que seja feita na posição vertical para melhorar o aproveitamento. Deve-se ainda deixar uma folga entre a base da placa de gesso acartonado e o piso de aproximadamente 10 mm, e as juntas verticais das placas devem sempre ocorrer sobre os montantes.

Quanto à fixação das placas de gesso acartonado, estas utilizam os mesmos parafusos utilizados para fixação das placas de OSB e devem ser tratadas conforme as especificações e orientações indicadas pelo fabricante.

Autor: Riberto Carminatti Júnior – Tecnobra

Leia também: